Villares Metals inicia segunda turma do Aprendiz Formare

06. Março 2017

Nesta semana terá início a segunda turma do Aprendiz Formare na Villares Metals. O programa, que oferece oportunidade de formação inicial de jovens ao trabalho, teve início na siderúrgica, a maior produtora de aços especiais não-planos de alta liga da América Latina, em 2016 e, no final de fevereiro, formou sua primeira turma. Ao longo de 10 meses, 16 alunos vivenciaram conteúdos teóricos e práticos, ministrados pelos próprios colaboradores da empresa. Além de contemplar a Lei de Aprendizagem, a empresa também coloca em prática seu papel social, pois na seleção priorizam jovens em situação de vulnerabilidade social. Para a nova turma de março, a Villares Metals recebeu a inscrição de mais de 450 jovens interessados no programa.

O curso oferecido no programa será o de Operador de Máquinas Operatrizes, que proporciona aos jovens talentos uma combinação entre aulas teóricas e a vivência no ambiente industrial como um rico laboratório de aprendizagem, assim como para a primeira turma. Os conteúdos abordados no curso vão desde Organização Empresarial, Comunicação, Matemática Aplicada e Lógica, Saúde, Segurança no Trabalho e Meio Ambiente até matérias mais técnicas como Ajustagem Mecânica, Processos de Usinagem e Ciência e Engenharia dos Materiais Metálicos e foram complementados pelo treinamento prático em várias áreas de produção, desenvolvendo o papel cidadão tanto dos jovens como dos educadores.

Dos alunos formados na primeira turma, quatro foram absorvidos até o momento pela empresa. O programa Aprendiz Formare é uma iniciativa da Fundação Iochpe, instituição que desenvolve programas nas áreas de educação, cultura e bem-estar social, realizando parcerias com entidades públicas e privadas.

Sobre o Formare

O Formare é um programa desenvolvido pela Fundação Iochpe, em parceria com empresas de médio e grande porte, que oferece cursos de formação inicial para o mercado de trabalho a uma turma de, em média, 20 jovens de famílias de baixa renda residentes no entorno das empresas. Os cursos são realizados dentro das empresas por funcionários que se dispõem, como voluntários, a ministrar as aulas. Ou seja, a empresa é transformada em um ambiente de aprendizagem e qualificação profissional, contínuas, tanto para os colaboradores como para os estudantes beneficiados. Os cursos, com duração de, no mínimo, 800 horas/aula, são desenvolvidos pela equipe pedagógica do Formare de acordo com as características de cada empresa e a realidade do mercado de trabalho local. Eles são certificados por instituição federal de ensino vinculada ao MEC - a UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná) -, que mantém convênio com a Fundação Iochpe desde 1995.

Escolha a localização